quarta-feira, 29 de abril de 2009

implícito

...e ela se sentiu
tão à vontade com ele
que se fez vulnerável
dependente do seu amor
sua valorização
e seu sexo...
ele correspondeu
ela desabrochou como uma flor
e lhe presenteou com a transmutação
de uma mulher em femea
esplendorosa e devotada...
hoje ele é cativo dela
e seu amor por ela
é o encontro com ele mesmo

12 comentários:

Cosmunicando disse...

que bonito =)

Mirse disse...

Há muito tempo, talvez milênios, quando amei alguém disse :

"Se sentires em ti a angústia do ausente e quiseres encontar-me, procura-te e me acharás"

Ele riu!

Nunca nmais me aventurei .

Achei cincidentes o seu e o meu poema.

Sendo que o seu anos luz superior!

beijos, amigo guerreiro

Mirse

Mirse disse...

Fui no youtube!

Fiquei apaixonada com "LUZ ALÈM"

Não sabia que meu guerreiro era compositor e cantor.

Fiquei emocioanada e envergonhada!

Aplausos!!!

Mirse

Lou disse...

Belíssimo!!

escotilha disse...

m
u
i
t
o
bom!

um beijo!

betina moraes disse...

repetindo devido a falha em login:


m
u
i
t
o
bom!

um beijo!

betina moraes disse...

querido guru,

gostaria muito que você fosse até o blog:

http://hapalavra.blogspot.com/

vale a pena!


um beijo!

Luciano Fraga disse...

Isto é um compartilhamento interior, belo demais meu caro,um poema deste é uma dose de felicidade, abraço.

Adriana Godoy disse...

É, uma dose de amor!! Belo, Guru. Beijo.

Anita Mendes disse...

"lhe presenteou com a transmutação
de uma mulher em femea"
guru, gosto do teu lado feminino que sempre entende as mulheres.
lindo poema!
Beijos pra ti,
Anita.

Tatyane Diniz disse...

Meus Deus!!!
Passo por isso... mas está tudo lá: a pessoa... o amor... o sentido de viver!!! Pena que muitos finguem esconder embaixo dos tapetes!!!
beijão!
Continuemossssss!

Anônimo disse...

what causes heel pain shoes aigner bag netherlands

 
Website Statistics Investing