terça-feira, 25 de agosto de 2009

maisqueimperfeito

...arte

é o

cúmulo

do

acúmulo

das

imperfeições

bem

articuladas...

6 comentários:

Renata de Aragão Lopes disse...

Faz sentido...
Talvez não para toda e qualquer arte,
mas para boa parte delas.

Gostei, especialmente, do título!

Um beijo,
doce de lira

Mirse Maria disse...

Nossa, como concordo!

Arte não é para todos! Mas uns e outros acham que é.

Amei a coragem e a postagem!

Beijos

Mirse

Adriana Godoy disse...

Guru, que isso, meu? Que lucidez poética é essa? Adoreir, Bj

Branca disse...

Genial!

Romulo disse...

Olá Guru. Sou seu fã desde os 80's quando ouvi sua cantoria dos ipês amarelos com o Dércio, suas letras inteligentes e instigantes, seu violão suingado. Prazer enorme conhecer seu blog de poeta.
Estou editando um livro de arte com os poetas do cerrado, se tiver alguma inspirada contribuição será super bem vinda. Abraço forte, Romulo.
www.pintoandrade.multiply.com

Kanauã Kaluanã disse...

Que bela conjugação!

O tempo verbal atemporal.
A descrição-arte final.

Katyuscia

 
Website Statistics Investing