sábado, 15 de agosto de 2009

elevador

paixão não permite espera
e um cio existencial
sua intensidade tem
o tamanho do mundo
dor dos deuses
que me desloca cegamente
em tua direção...
o que é possível
entre um homem
e uma mulher não se prevê...
paixão é o imprevisível eternamente esperado
drama zen concentrado numa taça com a tua transparência
cheia até a metade com vinho tinto e a outra repleta de voce
que eu bebo gulosamente e me embebedo...
sempre iluminado pela baça luz de uma vela
que mais se assemelha à minha miopia
do que a minha clareza
a dor da paixão é a dor da elevação...

9 comentários:

Tatyane Diniz disse...

a paixão!!!
quero me embebedar novamente!!
Palavras concretizadas, embora dor seja inevitável!

Vou ser a melhor borboleta possível, rrs!
bj e adorei a visitinha láem casa!
taty

Mirse disse...

Olá amigão!

È verdade! Quando vem o amor, em forma de paixão ou suavemente em gotas de emoção, nada impede que acontece.

Não há distância, cor, idade ou credo.

Mas PAIXÃO, não permite espera, mesmo. Corra atrás da sua!

adorei o título e a imagem!

Beijos

Mirse

Oculta disse...

Uau!!! Adorei o texto... E sejamos embriagados pelo líquido da taça transparente que mistura odores e sabores... Um brinde a você querido Guru!!!

Beijo

Anita Mendes disse...

"drama zen concentrado numa taça com a tua transparência
cheia até a metade com vinho tinto e a outra repleta de voce"

nos embriagamos, nos elevamos e caímos nesse drama zen...
de novo, e de novo....

beijos enormes pra ti, Anita.

Adriana Godoy disse...

Poxa, Guru, que paixão mais linda e tão intensa que arrebata. Brilhou, meu artista. Vc é foda ,mesmo. Beijo.

Renata de Aragão Lopes disse...

"paixão é o imprevisível eternamente esperado"

Jamais havia pensado a paixão
desta forma.
Gostei muito.

Um beijo,
doce de lira

Renata de Aragão Lopes disse...

Ps: adicionarei seu espaço
entre minhas "delícias alheias",
pois gostei de tudo que li!

Aline Christal disse...

" a dor da paixão é a dor da elevação"...

umas das coisas mais linda que li na minha vida.

Vou tatuar esta frase em meu corpo, posso?

Luciano Fraga disse...

Caro amigo Guru, falamos de amores e não falamos do amor,experimentamos a cegueira das paixões que nos fazem crescer,mandou bala meu caro, abração.

 
Website Statistics Investing