segunda-feira, 9 de novembro de 2009

...per(do)(ar)...

o maior e melhor ato de comodismo
que a vida colocou à nossa disposição
chama-se perdão
per(doe)!
per(doe)-se!

11 comentários:

Maria Maria disse...

Querido Guru,

Tem um convite para vc no meu blog. Convite para o lançamento do meu terceiro livro. Passa lá!!!

Beijos,

Maria Maria

www.espartilhodeeme.blogspot.com

Zélia disse...

Eu acredito que o perdoar-se é, também, um ato de coragem. Assim como perdoar ao outro. Entranto, o perdão àquele que eu vejo no espelho é bem mais difícil e dói muito mais.

Per(doe)mos-nos! ;)

Luanne Araujo disse...

é, não é? dá um tremelique no joelho e depois o calor do abraço... perdoar os outros não é difícil, um pedido de desculpa sincero e pronto. agora, perdoar-se, acho que faz parte de aprender a viver...

Mirse Maria disse...

Como você diz: MANDOU BEM!


O mais difícil é o por(doar)se.

Beleza, Guru!

Beijos

Mirse

Anita Mendes disse...

Tmb acho, guru:

perdo-Ar
nos
liberta!

beijinhos....

Adriana Godoy disse...

é difícil, mas possível...perdoar a quem? primeiro a nós mesmos, assim a coisa fica mais fácil. beijo.

Renata de Aragão Lopes disse...

"o maior e melhor
ato de comodismo"

Talvez,
o mais difícil...

Beijo,
doce de lira

Luciano Fraga disse...

Nobre amigo Guru, o grande caminho para o entendimento e para uma vida com leveza é a compreensão, relevar faz parte, seguirei os conselhos do Velho Guru, abraço mestre.

Ilaine disse...

Querido amigo!
Perdoe e demora, adorei o seu comentário-poesia lá no ensaios.

Perdoar- lindo jogo de palavras!
Parabéns!

Beijo

tavares disse...

lindo isso do DOAR no meio da palavra...deve ter haver semanticamente mesmo...

Mai disse...

E dele a culpa adveio.

Ainda estou por aqui relendo coisas.

Abraços, bom natal e feliz tudo.

 
Website Statistics Investing