quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

...devaneio...

o poeta é o requinte da existência
que requinta a existência

6 comentários:

Luciano Fraga disse...

Belo devaneio, somos sapos com flôres no juizo, abração meu chapa.

Marcia Barbieri disse...

Adorei o poema e a imagem tbém.

beijos ternos

innername disse...

delicia

runescape account disse...

can you email me: mcbratz-girl@hotmail.co.uk, i have some question wanna ask you.thanks

重庆游戏中心 disse...

Very rich and interesting articles, good BLOG!

splendid disse...

gucci
gucci bag
gucci handbag
buy gucci
gucci wallet

 
Website Statistics Investing