sábado, 6 de março de 2010

tático


...recuo

pra retomar o pulso
realinhar o passo
rever o que peço
reaver o que posso
restaurar o poço
reatar o laço
reanimar o traço
tomar impulso
e continuar
no teu encalço...

12 comentários:

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Fala, meu caro Guru, faz um tempo que não nos presenteia com novidades por cá... belíssimo texto, devo dizer - gostei bastante!!!

:)

Anônimo disse...

Sábio Guru (e no seu caso ñ é uma redundância) essa delícia de jogo sonoro + a densidade da ideia é um presentaço!!! Agradecidos, jamais sairemos do seu laço...

Adriana Godoy disse...

Guru, isso pode dar certo. Adorei. Bj

Mirse Maria disse...

Oi amigo!

O recuo é um novo recomeço,sim!

Belo!

Beijos

Mirse

Zélia disse...

Você é o poeta dos encontros. De traços retos, de palavras certas, de lugares alcançados. Adorei! E continuo no teu encalço!

Bjinho!

vanessacamposrocha disse...

ainda bem que volta o arremesso
avisando que tem recomeço!

Barbara disse...

Inspire porque mesmo no encalço ou no laço - continuamos no deserto.
Mesmo que em oásis.

Lin disse...

Muito bom guru! Sonoro. Tático.

Beti Timm disse...

Oi, meu artista preferido!

eu estava meio que de lado mas não te esqueci. Tinha decidido me dedicar exclusivamente a minha arte.

Mas esse mundo aqui é como um vício, ficou o gostinho de um tesão enrustido...rs, sendo assim aqui estou.

Reatar o laço é tão importante qto não perder o compasso, e as vezes recuperar um abraço!

Beijo, beijo, de fã ardorosa

tavares disse...

tô no mesmo movimento...
e esperando que o impulso seja grande o bastante!
(e a corda que ata minha companhia, que ela aguente!)

Ianê Mello disse...

Belíssimo poema.

Gostei muito da sua forma de expressar o sentir.

Te sigo para não perder o passo.

Um abraço.

Nydia Bonetti disse...

Vim agradecer a visita, Guru. Gostei daqui. :) Abraços.

 
Website Statistics Investing